Política

Após debate no Jornal Nacional, LULA se CANSA e decide falar tudo sobre BOLSONARO

Após debate no Jornal Nacional, LULA se CANSA e decide falar tudo sobre BOLSONARO

Nesta semana o país está presenciando uma semana de debates no Jornal Nacional, na Rede Globo, onde durante a semana terá como convidados todos os candidatos à presidência da república, além do presidente Jair Bolsonaro.

Até o momento, foram ao debates o presidente Jair Bolsonaro, e o candidato Ciro Gomes, onde acabou gerando muitas falas que acabou tornando os nomes mais comentados nas redes sociais nesta semana.

Além de Ciro Gomes falar sobre a atuar gestão da presidência, outro candidato falou sobre, trata-se de Lula, ex-presidente e candidato, não poupou e fez criticas:

“O Brasil vive um momento de confusão nas instituições porque o presidente faz questão de não respeitar as instituições. Sempre fomos um país sem contencioso com outros países, e agora somos quase uma pária mundialmente. Quem ganhar as eleições vai ter uma tarefa nobre e imensa.” publicou Lula.

Lula falou sobre sua candidatura à presidência:

“Estamos nos preparando para ganhar as eleições e governar o país. Para fazer algo novo, que começa com discussões sobre a desigualdade no mundo. Não podemos mais permitir que as pessoas passem fome, que alguns irresponsáveis desmatem nossa natureza.”.

Após isso, Lula também contou seus projetos caso seja eleito:

“Se eu ganhar as eleições, espero que a guerra entre Ucrânia e Rússia já tenha acabado, caso contrário faremos um esforço de diálogo para estabelecer novamente a paz. Não nos interessa qualquer tipo de guerra.”

RECORDE DE AUDIÊNCIA

Os estados recorde de audiência foram São Paulo, e Rio de Janeiro, aonde Bolsonaro possui mais eleitores e apoiadores. A Record e o SBT ficaram 6; e a Band obteve com 3. A conversa de 40 minutos, que ficou no ar das 20h31 às 21h11, cresceu os números em 21,4% em relação à segunda passada (27 pontos). No Rio de Janeiro, um resultado ainda melhor: o JN chegou a picos de 40 durante a entrevista.

A Record e SBT ficaram com 5 e a Band 1. As redes sociais também foram tomadas sobre os assuntos que foram abordados pelos apresentadores. Muitas pessoas criticaram o profissionalismo dos jornalistas, e ressaltaram que o presidente saiu mais forte depois da entrevista.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo