CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Saúde

Linfoma de Hodgkin: Sintomas da doença que tirou a vida da querida jornalista Susana Naspolini aos 49 anos

Linfoma de Hodgkin: Sintomas da doença que tirou a vida da querida jornalista Susana Naspolini aos 49 anos

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Na noite da última terça-feira, 25 de outubro, a notícia que ninguém queria foi dada, a querida jornalista Susana Naspolini faleceu após uma dura batalha contra um câncer. Aos 49 anos, ela deixou uma filha e muita saudade nos fãs, amigos e colegas de trabalho.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Quem deu a triste notícia foi a filha da jornalista pelo Instagram, com uma linda foto e uma despedida emocionante, que comoveu os internautas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Susana Naspolini, repórter da Globo, morre de câncer aos 49 anos

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Muita gente ficou curiosa para saber os sintomas do câncer que tirou a vida da jornalista. O câncer que vitimou Susana é conhecido como Linfoma de Hodgkin.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Esse câncer é bastante raro e atinge as pessoas de uma forma bastante rápida, causando assim a necessidade de iniciar o tratamento o mais rápido possível para tentar reverter o quadro. Entre os principais sintomas está o aparecimento de um nódulo que fica localizado próximo ao pescoço, que em alguns casos apresenta uma série de na região.

Pode ser uma imagem de 3 pessoas e texto

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Os principais sintomas relacionados estão a falta de apetite, uma quantidade excessiva de suor noturno que pode estar relacionado ao aparecimento da doença, fadiga ou falta de energia, coceira de forma repentina. Esses são os principais sintomas que devemos estar atentos para evitar o avanço da doença em nosso corpo e buscar ajuda médica.

No caso da querida jornalista ela realizou as sessões quimioterapia para obter melhores no tratamento, mas depois de seis sessões realizadas e das internações que foram acontecendo durante o tratamento, infelizmente ela não resistiu e acabou nos deixando essa forma trágica. Deixando assim um verdadeiro alerta para que podemos estar cada vez mais atentos aos sinais que aparecem em nosso corpo.

Fonte: UOL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo