CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE
Geral

Menina de 12 anos toma chá para perder o bebê dado pela mãe e não resiste

Menina de 12 anos toma chá para perder o bebê dado pela mãe e não resiste

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Este caso vem gerando grande repercussão nas redes sociais, uma menina de apenas 12 anos, acabou tomando um chá abortivo no Maranhão. Contudo a menina não resistiu e acabou falecendo, o laudo médico mostrou que na verdade a menina não estava grávida.

Essa triste história ocorreu na região de Joselândia, no interior do estado. As informações são de que a mãe da menina achava que ela estava grávida, então ela levou a menina a um pai de santo, este então teria receitado a menina um chá de remédios e ervas.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A menina foi identificado como Wilkelly Flaviane Carvalho, ela acabou se sentindo muito mal e então precisou ser socorrida para um hospital o mais rápido possível. Ela foi atendida mais infelizmente nada se pode fazer e ela evoluiu para o óbito.

Então a equipe médica preocupado acionou as autoridades e explicaram a situação a polícia. Então a mãe da menina e o pai de santo acabaram sendo levados para a delegacia para esclarecer o ocorrido, eles acabaram presos em flagrante.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

A triste história teria acontecido ainda no mês de novembro, porém somente em dezembro a história se tornou pública, e veio o resultado do laudo que mostrou que a menina nunca esteve grávida.

O caso gerou grande revolta nas pessoas nas redes sociais, tanto o pai de santo, como a mãe da menina seguem presos na delegacia, suas identidades não foram reveladas.

A OAB (Ordem de Advogados do Brasil) esta iniciando uma investigação para saber oque teria levantado a suspeita da gravidez se a menina teria sido abusada. Qualquer ato sexual com um menor de 14 anos é considerado como um estupr* pela Justiça. Continue seguindo nosso site e esteja sempre informado sobre os maiores acontecimentos do Brasil e do mundo, compartilhe essa matéria com seus seguidores.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo